Foursight, classificando mentes criativas. Qual é a sua?

por Paula Falco
2 de December de 2013
37

Foursight é uma ferramenta que foi desenvolvida a partir da tese de doutorado de Gerard Puccio, escritor dos livros “The Innovative Team”, “Creative Leadership” e “Creativity Rising Creative Thinking and Creative Problem Solving in the 21st – fantásticos by the way; e Professor Doutor na Buffalo State University of New York.

Gerard acredita que nossas mentes possam ser classificadas em 4 perfis: Clarifiers, Ideators, Developers e Implementers.

 

1414816_10152153862007176_1379547247_n

 

Parece simples, só que nem tanto. Vamos às explicações:

Clarifiers: São os cuidadosos… Aqueles que gostam de pensar antes de agir. Eles curtem fatos, pesquisas e são meticulosos. Adoram um “…não vamos partir de suposições….”

Ideators: Aqueles visionários por natureza, MacGyvers nas idéias e as vezes até um pouco incompreendidos. Eles conseguem ver as coisas de forma mais abrangente e são sempre bem vindos quando o assunto é inovação. Adoram um “…e se?…”

Developers: Eles que normalmente estruturam as ideias. Adoram colocar prós e contras de cada uma das idéias na balança. São super cuidadosos com cada fase de implementação. Adoram um “… e que tal compararmos “x” com “y” para eliminarmos “w”?”

Implementers: Piram em estruturar, diagramar, montar, desmontar até que tudo se torne em uma incrível inovação. Adoram um “… bora gente! Bora terminar!”

 

Tem mais! Desses 4 super perfis se consegue estruturar até 11 combinações:

Clarifier + Ideator = Early Bird.

Clarifier + Developer = Analyst.

Clarifier + Implementer = Accelerator.

Ideator + Developer = Theorist.

Ideator + Implementer = Driver.

Developer + Implementer = Finisher.

Clarifier + Ideator + Developer = Hare.

Clarifier + Ideator + Implementer = Idea Broker.

Clarifier + Developer + Implementer = Realist  (o mais difícil de se lidar…)

Ideator + Developer + Implementer = Optimist.

Clarifier + Ideator +Developer + Implementer = Integrator (o que se dá com todo mundo e se dá bem em todas as áreas).

 

Essa ferramenta é interessante pra quem quer montar uma equipe de inovação. Dessa forma é fácil entender os pontos fortes e fracos de todos no grupo.

Foursight já é usada em empresas como Nike e Disney como meio para montar suas equipes.

 

[youtube=http://youtu.be/dv1SMXLP9KU]

 

Gostou? Clique aqui e saiba mais.

Comentários

Sentindo na Pele | Empatia

14 de June de 2013
Captura de Tela 2013-06-13 às 23.38.00

Um dos pilares dos processos de inovação, principalmente do Design Thinking, é a Empatia.

Empatia = tratar o outro como ELE gostaria de ser tratado.

Empatia não é uma tarefa fácil. Não é apenas se colocar no lugar do outro mas sim sentir como o outro e viver como o outro, para entender o que o outro precisa.

Esse processo é chamado, dentro das ferramentas de Design Thinking, de “A day in a life” (um dia na vida de). Um jeito simples de fazer com que você sinta na pele do outro e crie a empatia necessária para a criação de soluções inovadoras no processo de inovação.

Em alguns casos simples, pode ser realizar uma tarefa e experimentar um produto. Em outros casos mais complexos, é possível fazer o uso de trajes especiais como no caso de gerar empatia por idosos e suas limitações. (conheça o traje desenvolvido pelo MIT e que te faz sentir com 70 anos). 

Dentro desse processo de empatia, uma tarefa difícil é compreender uma mulher grávida e como ela se sente. Essa experiência única para as mulheres torna para os homens um desafio entender suas sensações e emoções como por exemplo, saber o que é sentir quando o bebê se move ou chuta.

Querendo que os pais saibam um pouquinho o que é essa sensação, a Huggies criou uma faixa que replica os movimentos e chutes do bebê em tempo real da barriga da mãe para a barriga do pai, permitindo que eles sentissem o mesmo que as mães em suas próprias barrigas. Confira ação incrível no vídeo abaixo:

 

 

Empatia não é uma tarefa fácil. Mas o primeiro passo para alcançá-la com sucesso é se importar realmente com o motivo pelo qual você está fazendo isso e se entregar à tarefa de se colocar no lugar do outro de corpo e alma presentes, vivenciando a experiência com um propósito real.

Comentários

Paper Toy e Prototipagem

11 de January de 2013
2440978147_dc2b883cfd_o

Quem acompanha o Inovaqui sabe que somos bastante insistentes na necessidade de prototipar uma ideia/projeto/conceito antes de “sair fazendo”. Para facilitar esta etapa, procuramos compartilhar com vocês uma série de ferramentas, como por exemplo, o Codiqa.

Os Paper Toys são bonecos feitos através de um método de construção de modelos em 3d com papel, que podem ser construídos por qualquer pessoa com um mínimo de material disponível. É muito fácil e barato. E eles são ótimos para ilustrar personas e meios de transporte!

 

paper_toy_personalizado_1

 

Existem milhares de modelos diferentes que podem ser baixados da internet, mas em dezembro de 2012, foi lançado um aplicativo de iPad chamado Foldify que promete facilitar a criação de Paper Toys personalizados, sem a necessidade de um grande conhecimento em desenhos. Além de compartilhar online, o Foldify gera o PDF para impressão.

 

 

O app custa USD$ 1,99 e por enquanto só está disponível para iPad. Vale super a pena, pois é uma solução rápida, fácil, e (vamos combinar?) bem mais barato que (o nosso querido) LEGO. :)

 

*A Take a Tip possui um treinamento chamado Laboratório de Prototipação, onde é possível aprender na prática a prototipar produtos, serviços e novos modelos de negócios. Para saber mais entre em contato takeatip@takeatip.com.br.

Comentários

Squirro! O primeiro assistente pessoal para pesquisas

8 de August de 2012
tumblr_m5v0w96PI41rogylvo1_1280

Squirro é o nome dado à uma ferramenta, recém lançada, que promete ser o primeiro assistente pessoal digital para pesquisas na internet! Basicamente, ele diminui o “ruído digital” da sua busca, fornecendo apenas informações relevantes sobre o tema pesquisado, incluindo contato de empresas.

[youtube=http://youtu.be/DfdM1Gz_2us]

Usando uma inteligência de curadoria automatizada, o Squirro digitaliza múltiplas fontes de canais de Internet, mídia social, contatos, bases de dados privadas e sistemas internos de negócios para reunir as informações e atualizações constantes. Como resultado, Squirro cria uma coleção viva de conteúdo, fornecendo contexto real às informações necessárias para pesquisa de mercado mais eficiente e perspicaz, análise competitiva, prospecção e construção de relacionamento.

Além disso, os usuários podem definir preferências, fontes ou o tipo de conteúdo que devem ser rastreados, e podem integrar dados de seus próprios documentos ou software de gerenciamento de conteúdo.

A ferramenta ainda está em fase beta (= teste) e é preciso ser convidado ou se inscrever na fila de espera para poder usar. Eu já me inscrevi, mas ainda estou no aguardo! No entanto, se você utiliza um sistema de CRM como Salesforce, SugarCRM, SAP, D, Highrise ou Confluence, você pode começar a usar o Squirro imediatamente. #CORRÃO!!!!!! Vamos testar! (e compartilhar experiências e percepções aqui no blog :P )

Se funcionar legal, com certeza vai ser fantástico e indispensável para desk research! (dedos cruzados)

 

via Springwise

Comentários

Codiqa | Ferramenta para prototipar aplicativos para celular

28 de July de 2012
codiqa_big

E já que estamos no embalo de prototipagem, vocês conhecem a ferramenta online chamada Codiqa?

Pra quem ainda não conhece, o Codiqa é uma ferramenta online que permite criar protótipos de aplicativos de celular. Basicamente, ele permite que você construa interfaces baseadas na biblioteca jQuery, ou seja, HTML5.

É bem fácil de usar. Eles já tem uma série de ícones e diagramas prontos que você pode utilizar no estilo “drag and drop”, adequando o conteúdo e ajustando a diagramação conforme você gostaria de ter na telinha do aparelho.

Seus projetos podem ser salvos na nuvem e podem ser compartilhados entre uma equipe.

A ferramenta é gratuita por 30 dias.

 

*A Take a Tip possui um treinamento chamado Laboratório de Prototipação, onde é possível aprender na prática a prototipar produtos, serviços e novos modelos de negócios. Para saber mais entre em contato takeatip@takeatip.com.br.

Comentários

Ferramenta | Shadowing

13 de March de 2012

O Shadowing é uma das ferramentas de pesquisa mais importantes quando se quer entender os hábitos e o contexto de uso do produto/serviço, que dificilmente conseguem ser explicados ou descritos pelas pessoas em uma entrevista. Geralmente, essa ferramenta, baseada puramente na observação, é utilizada na fase de investigação (pesquisa) de um projeto.

A ideia desse método é de que se acompanhe um grupo de pessoas ou a pessoa “target” observando o seu dia-a-dia. Como ela se comporta? Como interage com outras pessoas? O que ela sente? O que ela diz? Quais são suas expressões? O que ela faz primeiro? Como ela termina de utilizar o produto/serviço? Anote tudo!

Desta forma, é possível ter insights que seriam dificilmente detectados em outros métodos. É através do Shadowing que conseguimos desenvolver o mapa da Jornada do Usuário (vamos falar disso em outro post mais pra frente) com maior precisão.

É uma ferramenta que praticamente não tem custo para ser aplicada, exige uma disponibilidade de tempo mediana, e não há necessidade de ser expert no assunto para colocar em prática (mas ressaltamos, que na sua primeira vez, é melhor ir acompanhado de alguém que já tenha feito).

Comentários

Entendendo o comportamento do consumidor com Kinect

9 de January de 2012

 

Esse vídeo mostra uma nova ferramenta de pesquisa chamada Shopperception, que analisa o comportamento do consumidor e a forma como ele interage nas prateleiras e gôndolas de uma determinada loja, através do Kinect.

Com o reconhecimento espacial dos sensores, os compradores são monitorados quando interagem com os produtos em exposição. Assim é possível medir e analisar quanto tempo eles gastam escolhendo o produto, para onde eles olham, quais produtos tocam, quais produtos eles seguram na mão, como interagem com o produto (já repararam que ao pegar uma caixa de pasta de dente na mão no supermercado, todo mundo sacode a caixa?), e assim vai…

Dessa forma além de ser uma ótima ferramenta para o processo de imersão, ainda é possível comparar a performance de diferentes disposições nas gôndolas para precificar com mais assertividade o espaço à venda.

Hoje, quem oferece esse serviço é a Agile Route, vale dar uma zapeada no site deles.

 

Comentários

Follow Us!

Realização:

Parceria

Biblioteca