The Creativity Gap | Pesquisa

2 de May de 2013

Em um estudo realizado em 2012, com mais de 5 mil pessoas, sendo mil de cada país pesquisado (EUA, Inglaterra, Alemanha, França e Japão), foi criado o infográfico abaixo apontando o gap de criatividade existente no mundo.

Em resumo, o estudo aponta que, para os entrevistados, liberar o potencial criativo das pessoas é visto como a chave para o crescimento econômico e social, porém destas mesmas pessoas menos da metade delas consideram-se criativas. Apenas 1 a cada 4 pessoas sente que está utilizando o seu potencial máximo criativo. A falta de tempo é apontada como grande vilã para a falta de criatividade.

Identificaram também neste estudo que há uma crescente pressão no ambiente de trabalho para que as pessoas sejam mais produtivas do que criativas, sendo que estas pessoas gastam apenas 25% do tempo delas no trabalho em atividades que exijam algum potencial criativo.

Globalmente, o Japão é apontado como o país mais criativo, exceto pelos próprios japoneses. Em oposição, os americanos acreditam que o EUA são os mais criativos, ao mesmo tempo em que os próprios americanos mostram uma forte preocupação de não estarem utilizando seu potencial criativo.

A questão depois desta pesquisa é descobrir se as pessoas realmente não estão utilizando seu potencial criativo, ou se elas apenas acham que não são criativas. Vamos aguardar algum estudo no melhor estilo da campanha Dove Real Beleza e os retratos falados. ;)

Para ter acesso completo aos dados do estudo, faça download da pesquisa clicando aqui.

adobe_state_of_create_infographic

 

*A Take a Tip possui um treinamento chamado Laboratório de Criatividade com o objetivo de despertar o potencial criativo. Para saber mais entre em contato takeatip@takeatip.com.br.

Print Friendly
Comentários

Related Posts

Sobre o Autor: Tatiane Carrelli

Publicitária, especialista em Inovação e Criatividade. Quebrou algumas regras na 3M, na Whirlpool, e no Banco Itaú. Então decidiu quebrar regras por aí e criou a Take a Tip, consultoria da qual é sócia hoje. No meio do caminho descobriu uma vocação (Professora na ESPM), um hobby (aprendiz de fotógrafa) e um esporte (Rodrigo Pessoa, que se cuide!).

Leave a comment

Follow Us!

Realização:

Parceria

Biblioteca