Pitch-Fire! Venda sua Ideia!

26 de August de 2013

No próximo final de semana, entre os dias 31/08 e 01/09, acontecerá o Startup Weekend Unifei, na cidade de Itajubá – MG.

O Startup Weekend é um final de semana de trabalho intenso com um único objetivo: transformar uma boa ideia de negócio em uma startup viável, durante 54 horas consecutivas. Para isso, os participantes contam com o suporte dos facilitadores do evento, de palestrantes e mentores, todos trabalhando para que cada grupo transforme sua ideia em um grande negócio a ser apresentado à banca de jurados ao final do domingo.

O Startup Weekend Unifei possui algumas particularidades: pela primeira vez no Brasil, um Startup Weekend acontece fora de uma capital; Itajubá será a primeira cidade mineira a receber uma edição do evento; e este será meu primeiro Startup Weekend como mentora. =]

E atendendo alguns pedidos de participantes que estarão por lá (oi, Sheron!) e já entrando no clima, esta semana o Inovaqui será temático, sobre pontos importantes para quem quer entrar nesta jornada das startups!

 

644515_10151130082144099_1941151290_n

 

Começando por onde começa o Startup Weekend (SW), vamos falar sobre onde tudo nasce: a ideia!

Para participar de um SW você não precisa ter uma ideia, você pode ter uma habilidade (ser um desenvolvedor, um designer, bom de finanças, marketing, etc.) e formar os times que irão desenvolver as ideias. Ou se você tem uma ideia, pode aproveitar o evento para apresentá-la e torcer para ela ser escolhida pelos participantes para ser desenvolvida.

Nem todas as ideias que são levadas e apresentadas pelos participantes são desenvolvidas. Elas passam pelo processo de apresentação rápida e depois os participantes votam nas ideias que querem desenvolver. Por isso o momento da apresentação, o Pitch-Fire (similar ao elevator pitch), é muito importante. São estes 60 segundos de apresentação, com apenas um microfone na mão, que determinam se sua ideia será ou não trabalhada durante as 54 horas seguintes do evento, e quem serão as pessoas que se interessarão por participar do seu time para ajudar no desenvolvimento da ideia. Vender bem a ideia, garante não só a aprovação no momento da votação, como também atrai talentos para o seu time.

 

the_pitch

 

O Pitch-Fire é o primeiro grande desafio para os empreendedores que participarão do SW. Algumas dicas podem ajudar a passar por este momento:

– PRE-PA-RA: não, não é o show das poderosas, mas precisa se preparar, e muito bem. Pesquise o máximo de informações que você puder sobre sua ideia para você se preparar para o seu pitch.

– ROTEIRO: para cobrir todos os pontos importantes e essenciais a serem ditos no momento de vender sua ideia, alguns elementos são fundamentais. É necessário dizer qual problema sua ideia pretende resolver e como; para qual público-alvo; e o que sua ideia tem de diferente das outras soluções existentes no mercado. Além disso, nos seus 60 segundos você precisa dizer quem é você e porque está ali, e não se esqueça de dar um nome para sua ideia, para as pessoas votarem em você. Para facilitar, segue uma divisão sugerida pelo pessoal do SW Rio:

pitchs

 

– ESPELHO AMIGO: depois de se preparar, escrever o discurso, e ter certeza do que você irá falar, é hora de ensaiar como você irá falar. Hora de ir para frente do espelho com o cronômetro do celular na mão e ensaiar, ensaiar, e ensaiar, para ter a certeza de que está tudo dentro dos 60 segundos. Tem problemas de falar em público? Faça alguns ensaios para amigos e familiares!

– ENCANTE: um dos segredinhos para um bom pitch está em mostrar sua paixão. Você não terá que convencer as pessoas de que sua ideia é boa se você contagiá-las com sua paixão. Se você tem uma boa ideia, e você acredita de verdade nela, fale com paixão, entusiasmo e encante a todos com sua ideia. Coloque entusiasmo nos seus 60 segundos o suficiente para que as pessoas que estiverem assistindo queiram imediatamente arregaçar as mangas e começar a colocar em prática seu projeto porque querem fazer parte dele também!

Fim dos 60 segundos!

Ideia escolhida? Ótimo! Pegue seu time e “No Talk, All Action”! Vocês terão 54 horas para transformar tudo o que você vendeu no seu discurso, em realidade.

Não foi dessa vez? Não tem problema! Junte-se a um time e vá desenvolver outra ideia tão bacana quanto a sua. E entre um intervalo e outro, aproveite os momentos de networking para conversar com os organizadores e outros participantes e pedir feedback sobre o seu pitch e sua ideia, e descobrir o que pode melhorar para que em uma próxima oportunidade ela possa ser escolhida. ;)

Amanhã tem mais post com dicas para o Startup Weekend! Aguardem!

Print Friendly
Comentários

Related Posts

Sobre o Autor: Tatiane Carrelli

Publicitária, especialista em Inovação e Criatividade. Quebrou algumas regras na 3M, na Whirlpool, e no Banco Itaú. Então decidiu quebrar regras por aí e criou a Take a Tip, consultoria da qual é sócia hoje. No meio do caminho descobriu uma vocação (Professora na ESPM), um hobby (aprendiz de fotógrafa) e um esporte (Rodrigo Pessoa, que se cuide!).

1 Comment + Add Comment

Leave a comment

Follow Us!

Realização:

Parceria

Biblioteca